Site de Porto Alegre 2014
Transparência na Copa

 
SECOPA - Secretaria Extraordinária da Copa de 2014
PMPA / SECOPA / Obras e Projetos

PROJETO DA ARENA DO GRÊMIO

 

 

• O novo estádio terá três anéis com capacidade para 50 mil lugares, todos com cadeira. A Arena do Grêmio terá cobertura completa, exceto a parte do campo. Um anel terá 150 camarotes, outro será de cadeiras vips e o restante terá capacidade para 40 mil torcedores. A construção tem previsão de estar pronta em dezembro de 2012, o que faz com que a Arena esteja à disposição para a Copa das Confederações, realizada no Brasil em 2013;
 
• A acessibilidade do novo estádio também é sempre lembrada como uma questão importante, tanto na ida como na volta pra casa após as partidas. O novo estádio terá acesso à Rodovia do Parque, BR 116, Freway e ao Trensurb. Até a possibilidade de acesso ao Aeromóvel é uma possibilidade. Enfim, tudo que possa facilitar a chegada e a saída do estádio com toda a facilidade;

• Com a construção da Arena, o Grêmio pretende dar um passo rumo ao futuro. A mudança de casa será mais um capítulo da história deste que é um dos maiores clubes do Rio Grande do Sul e do Brasil. A previsão é que Porto Alegre abrigue o estádio mais moderno da América Latina, seguindo os padrões Fifa e comparando-se aos redutos dos grandes clubes da Europa. O fato impulsiona a auto estima da torcida gremista, que mostra empolgação e, em sua grande maioria, apoia o projeto;

• A comunidade do bairro Humaitá será contemplada também com a construção de novos prédios para escolas públicas totalmente integrados com centros comunitários;

• O complexo da Arena do Grêmio terá construções destinadas ao esporte, lazer, comércio, residências e de serviços com 650 mil metros quadrados no bairro Humaitá, em área definida pelo Plano Diretor como corredor de desenvolvimento. O complexo contará com hotel,  shopping, centro de convenções, edifícios residenciais, torres empresarias e a arena, com 90 mil m². Haverá seis mil vagas de estacionamento;



Siga o Twitter da SECOPA




Saiba quem são eles




Desenvolvimento PROCEMPA