Site de Porto Alegre 2014
Transparência na Copa

 
SECOPA - Secretaria Extraordinária da Copa de 2014
PMPA / SECOPA / Obras e Projetos

PROJETO BUS RAPID TRANSIT (BRT´S)

• Conforme prevê a matriz de responsabilidade, três obras estratégicas estão previstas no modelo BRT (Bus Rapid Transit);

• Deverão ser implantados três corredores exclusivos para ônibus nas avenidas Protásio Alves, Assis Brasil e Bento Gonçalves.  

• Faz parte deste conjunto de investimentos, a implantação de um sistema para qualificação do transporte coletivo da cidade. A solução proposta visa eliminar os problemas de congestionamento e baixa velocidade, com uma rede de linhas troncais e alimentadoras.

• O conceito de BRT no corredor exclusivo para ônibus apresenta-se como uma alternativa ao metrô para o transporte de massa deste carregado eixo da cidade;

• Compreendido entre o trecho da Av. Assis Brasil desde o Terminal Triângulo até o Viaduto Obirici, seguindo pela Av. Brasiliano de Morais e voltando à Av. Assis Brasil, até o cruzamento com Av. Benjamin Constant. A extensão total do trecho é de 4,4 km. Ao longo do corredor, 7 estações de embarque e desembarque serão construídas no centro da via, entre as duas faixas exclusivas, servindo aos dois sentidos de circulação;

• Também compreendido entre o trecho da Av. Bento Gonçalves desde o Terminal Azenha, no cruzamento da Av. Bento Gonçalves com Rua Domingos Crescêncio e o Terminal Antônio de Carvalho após o cruzamento com a Av. Antônio de Carvalho. A extensão total do trecho a ser construído é de 6,5 km (seis quilômetros e meio). O corredor deve ter uma faixa por sentido de circulação, com pavimento de concreto em toda sua extensão. Ao longo deste, 12 estações de embarque e desembarque serão construídas no centro da via, entre as duas faixas exclusivas, servindo aos dois sentidos de circulação;

• Da mesma maneira entre o trecho da Av. Protásio Alves desde a Av. Carlos Gomes até a Estação Rodoviária. A extensão total do trecho é de 9,4 km. Ao longo do corredor, 11 estações de embarque e desembarque serão construídas no centro da via, entre as duas faixas exclusivas, servindo aos dois sentidos de circulação;

Como funcionará:

• Os passageiros de ônibus procedentes dos bairros da Capital e da Região Metropolitana desembarcarão nos portais e no terminal Triângulo. Desse terminal, tomarão ônibus articulados especiais para seguir viagem dentro da cidade;

• Os veículos percorrerão corredores exclusivos em direção ao centro de Porto Alegre. Também haverá conexões entre os portais. A ideia é reduzir o volume de ônibus que se deslocam por dia ao Centro, 33 mil em média;

• O projeto prevê que os ônibus partam de três em três minutos dos portais. O passageiro continuará pagando apenas uma passagem, mesmo tomando mais ônibus, desde que não saia dos portais ou das estações;

• Nos trajetos, serão construídas estações de embarque e de desembarque com plataforma elevada em relação à via. O passageiro pagará ao ingressar nas estações. Cada portal terá um prédio, com terminal de ônibus, estacionamento subterrâneo para carros, bicicletário e serviços.



Siga o Twitter da SECOPA




Saiba quem são eles




Desenvolvimento PROCEMPA